terça-feira, 14 de outubro de 2008

Teorema do ponto

E que fim posso contar?



Conto um conto e deixo reticencias, eu não sei onde termina, pode ser que seja daqui 5 dias, alguns anos ou semana passada. O fim é algo que nunca se sabe, onde ele começou, quando ele vai terminar, se ele vai existir. Nem sei se o fim existe, porque quando penso nele sempre acho que está recomeçando, nunca sei onde houve a pausa ou interrupção. O fim nada mais é que um ponto, mas nunca soube onde colocá-lo, interrogação, exclamação, vírgula, final.

3 comentários:

*Day disse...

esse é sempre o problema
nunca sabemos o colocar o maldito ponto!!!
=*

Dougs disse...

tem certeza?

David Nascimento disse...

Enfim alguém com as dores e prazeres nos pontos... sou simpático a você, mesmo "mal".